Brasil

Infância perdida: trabalho infantil atinge 998 mil crianças no Brasil

O site Observatório do Terceiro Setor traz também outros dados importantes.

1,8 milhão de crianças e adolescentes entre 5 e 17 anos trabalhavam em 2016, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Deste total, 998 mil estavam em condição de trabalho infantil, isto é, tinham menos de 14 anos ou tinham mais de 14 anos, mas estavam trabalhando de forma ilegal.

Outro dado alarmante aponta que, entre 2007 e 2017, 40.849 meninos e meninas sofreram acidentes de trabalho, sendo 24.654 de forma grave, de acordo com o Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan), do Ministério da Saúde.

Para falar sobre o trabalho infantil no Brasil, o site Observatório do Terceiro Setor, entrevistou Bruna Ribeiro, jornalista e especialista em Direito Internacional, que escreve para o projeto ‘Chega de Trabalho Infantil’.

Veja a entrevista completa:

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar