Emprego

Polêmica: candidatos reclamam da falta de divulgação da banca organizadora do Concurso para o cargo de conselheiro tutelar de Salvador

Responsável pela contratação da banca, a Prefeitura de Salvador, através da SPMJ, não teria aberto processo licitatório e nem feito ainda, dispensa de licitação.

Faltando pouco mais de 15 dias para a aplicação da prova escrita do concurso para o cargo de conselheiro tutelar de Salvador, candidatos vivem a angústia de não terem informações sobre locais de prova e a banca organizadora do concurso. Este ano cerca de 644 candidatos que foram habilitados na primeira etapa, disputam as 180 vagas, distribuídas entre titulares e suplentes.

“A gente estuda, mas também precisa saber como está o andamento do concurso. Se não tem informação atualizada, a gente começa a se preocupar. Eu, por exemplo, não sei nem onde vou fazer a prova. Costumo estudar de forma direcionada, atenta como a banca cobra as questões, isso ajuda na hora de encarar a prova. Quem se inscreve para concurso, fica sempre de olho no site para não passar batido na hora de receber qualquer comunicado. Também fico atenta ao meu e-mail e até agora não recebi nada. Conversei com algumas pessoas porque pensei que somente eu não estava recebendo os informes, mas descobri que todo mundo está na mesma situação”, destacou a candidata.

Outro candidato pediu transparência em todo o processo, considerando que, segundo ele, não teve acesso ao processo de abertura de licitação, para a escolha da banca que vai aplicar a prova. “Acompanho os sites oficiais da Prefeitura e do CMDCA, além do Diário Oficial do Município, para ver se tem algo sobre o processo de escolha, mas não encontrei essas informações. Procuro também nas redes sociais e nada de informação. Meus colegas também não sabem o que vai acontecer nos próximos dias e a Prefeitura não se manifesta”, reclamou o candidato.

Procuramos o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, para comentar o assunto, e segundo Renildo Barbosa, Presidente da Comissão Organizadora, o Edital foi publicado no dia 29 de março, durante as comemorações do aniversário da Cidade, e nele consta todo o cronograma com as etapas do processo de escolha dos candidatos, inclusive com a data da prova, prevista no calendário para o dia 14 de julho de 2019. “Desde outubro de 2018, que o CMDCA comunicou a Prefeitura e a SPMJ, sobre necessidade de contratação da empresa para aplicar a prova, o que compete a comissão, está sendo feito” finalizou Renildo.

A nossa redação também solicitou nota a Secretaria Municipal de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), responsável pela contratação da empresa, porém até o fechamento da matéria não obtivemos resposta.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar